Tag Archive | frio

Pré-Natal em… família!

Ontem fomos à uma festinha no apartamento de uma das colegas de turma do Dú, uma americana. A idéia era fazer um pré-Natal com os novos amigos e, porque não dizer, com a nossa família nessas bandas de cá?!

Foi uma delícia! Petiscos gostosos, boa bebida, pessoas mais que agradáveis e uma boa conversa.

Cada um tem uma programação diferente para as próximas duas semanas. Uns viajam para Praga, Paris, Alemanha, voltam para a sua terra natal… outros recebem familiares ou amigos e curtem a Bélgica, mas o mais gostoso de tudo é perceber como essas reuniões são importantes para cada um de nós… que estamos tão distantes das nossas famílias e amigos queridos.

Nessa noite fria, a companhia agradável foi mais do que o suficiente para acalentarmos nossos corações.

Os comes e bebes

Amigos… família

Anúncios

Ui que frio!

Ontem fez muito frio nessa terra… a temperatura durante o dia variava entre -9º e -10ºC.

À noite quando saímos para jantar estava -11ºC, putz! Nos agasalhamos bem e fomos enfrentar a fera.

As ruas continuam cobertas de gelo (não de neve) e em alguns trechos era complicado andar. Temos que caminhar mais devagar e com passos não tão grandes para não escorregar. O máximo dos máximos foi encontrar uma menina de saia e SEM MEIA… não pude acreditar!

Fomos à um restaurante que tem um pátio interno, no verão deve ser bem gostoso jantar lá, mas agora veja só a situação do lugar:

O frio era tanto que olha só os nossos narizes… vermeeelhos!

Essa noite nevou novamente e quando acordamos a rua estava coberta de neve, era difícil diferenciar a calçada da rua. ;-D

O dia depois da neve..

Agora à tarde dei uma saidinha nesse dia frio de -7ºC para comprar os ingredientes para uma jantinha especial, já que o meu amor volta hoje… depois de 4 longos e frios dias longe!

Levei a máquina para aproveitar a saida e registrar como fica a cidade depois de um dia de neve.

Os belgas dizem que por aqui não neva muito não e, que na verdade, todos os anos eles rezam para terem um Natal com neve, mas isso é muito raro. Então, mais um motivo para tirar mais algumas fotos!

Vocês podem comparar com as fotos do post “As cores não negam: é outono”. Vejam que aproveitaram para fazer um boneco de neve… hahaha

Adorei o chapéu da lixeira! hahaha

Olha só o estado do meu pé e dessa moto!!!!

Esse é o estacionamento de bicicletas do nosso prédio, nem me arrisco a andar de bicicleta na neve… é tombo garantido!

Olha só a situação dessas bicicletas!

Mas nem tudo são flores… depois da neve as ruas ficam feias e perigosas :-(… com o passa-passa nas calçadas e ruas se forma uma fina camada de gelo… para cair é uma belezinha!

Neve… eba!!!

Desde o fim de semana a temperatura, ou pelo menos a sensação térmica,  baixou sensivelmente.

Hoje, quando estava saindo para fazer comprinhas :-D, começou a nevar…. Voltei para casa e peguei a máquina, pois não sabia o que iria encontrar…

Nevava pouco. As primeiras fotos que tirei nem registram a pouca neve que caía, mas quando estava voltando para casa a neve aumentou.

Sei que é bem coisa de brasileiro que nunca viu neve em sua terra, mas que é uma sensação deliciosa, ah é!

Aqueles floquinhos pequeninos e branquinhos caindo, é muito lindo.

Quando cheguei em casa liguei para a minha mãe e lá estavam minha mãe, minha irmã e minha sobrinha. Deixei o micro na janela para que elas pudessem ver o espetáculo. Foi super divertido… Uma turminha passou e começou a dar tchau quando perceberam que elas estavam vendo…hahaha

Estas duas últimas fotos são da janela de casa.

Minha caranga!

Segunda saí cedo para comprar chocolate granulado para acabar de enrolar os brigadeiros. Tínhamos a festinha de natal da turma de inglês e cada um deveria levar algo do seu país. Peguei minha bici e fui ao mercado. Fui sem luva, ui. Não podia sentir meus dedos… o frio realmente chegou essa semana.

Na volta, além de não sentir os dedos, o freio da minha bici pifou! Ou melhor, permaneceu freiando o que definitivamente impossibilitou a minha volta.

Voltei empurrando a bici, mas fazendo a maior força, já que o freio estava travado.

Cheguei em casa e não conseguia nem mesmo travar a bicicleta, estava totalmente sem movimentos finos… de tão dura que estava a minha mão. hahaha

Enrolamos rapidinho o que faltava e peguei a caranga do Dú, ops!, a bici do Dú para ir à escola. Primeiro tirei um fina camada de gelo do banco e depois… foi a vez do malabarismo… hahaha

A bici dele é bem maior que a minha, ou se você preferir, tem o tamanho de uma bicicleta comum para um adulto :-D, mas eu, com todo esse meu tamanho, não conseguia pedalar direito, já que eu não alcançava no pedal se sentada… hahaha

Consegui pedalar na ponta do pé, o maior sufoco! Mas o importante é que cheguei à aula e nos deliciamos com as delícias que cada um tinha levado.

A caranga do Dú quebrou o maior galho! Agora tenho que ir empurrando a minha para o conserto! 😀