800 cervejas?

Quando alguém ouve “Bélgica”, dificilmente não lembra de “cerveja” (a não ser que deteste a bebida, é claro…). A Wikipedia diz que há cerca de 125 cervejarias no país, com cerca de 800 diferentes cervejas em produção regular. Quando eu encontrar números oficiais atualizo esta informação.

Bem, esta pequena introdução dá a ideia de qual será meu papel neste blog: a dura tarefa de experimentar tantas destas cervejas maravilhosas quantas forem possíveis e escrever minha impressão sobre cada uma dela. É claro que estou longe de ser um degustador profissional, mas gosto muito de apreciar boa comida, bom vinho e boa cerveja, por isso vou assumir que estou à altura de encarar este “desafio” pessoal. E é claro que minha opinão sobre cada uma das cervejas que experimentar será influenciada pelo meu gosto pessoal, portanto não levem meus comentários ao pé da letra. Inclusive porque não vou me preocupar em tomar notas enquanto estiver com um copo na minha frente, farei isto no dia seguinte, ou talvez no outro, de memória.

E para começar…

chimayChimay Rode (Red)

Nada melhor do que começar com uma cerveja trapista esta aventura “cervejística”. Para receber este nome, a cerveja deve ser feita por (ou sob supervisão de) monges trapistas e, no mundo inteiro, apenas 7 destes monastérios produzem cerveja (6 na Bélgica e 1 na Holanda – parece que estou no lugar certo para experimentá-las :)). O teor alcoólico é alto, 7%, tem cor avermelhada bem escura, densa, encorpada, mas não é nem um pouco amarga (mas também não diria que é doce), nem aparenta o teor alcoólico que tem. É absolutamente deliciosa e redonda (sorry Skol, mas você fica no chinelo perto desta aqui…), por enquanto minha favorita. E olha que ainda tenho 2 outros tipos de Chimay para experimentar 🙂

Anúncios

Tags:, ,

6 responses to “800 cervejas?”

  1. CAROL SANTANA says :

    Oi, fê , nossa você já está aí!!!! que delícia….. esse lugar é maravilhoso , eu conheço a bélgica , mas precisamente Bruges , nem sei como escreve , mas bem conheço , ameiiiii , esse lugar é lindo.
    Bom , boa sorte pra vcs , e esperop que vcs encontrem logo um lugarzinho com a cara de vcs; mande notícias e muitos beijos…

    • Fernanda Relvas says :

      Oi Carol,
      Obrigada pela mensagem! É bem gostoso ler e matar um pouquinho as saudades!
      Este sábado estivemos em Bruges (é assim mesmo que se escreve ;-))… que cidade deliciosa! Amamos!
      Super beijo para todos vocês!

  2. Elton says :

    Puts! To vendo que vai ser uma tortura acompanhar esse Blog.

    Abração pros dois!

  3. Zeca says :

    Oi. É verdade, já estava aberto para comentários… hehe.
    Estive em Bruxelas e Brugges. Bruges é maravilhosa, vocês tem que ir pra lá. Quando forem me avise, te indico um bed & breakfast charmosíssimo que adoramos. Lá fica também um dos melhores botecos da Europa, super pitoresco, umas 300 cervejas no menu. Só não lembro o nome agora, vou ter que pesquisar.

    Sucesso aí!
    Zeca

    • Fernanda Relvas says :

      Oi Zeca,
      Sábado fomos passear em Bruges… você tinha razão: que delícia de cidade! De qualquer forma eu ainda quero a indicação do boteco… com certeza vamos para lá outras vezes. É bem pertinho!!
      Super beijo,

  4. Joana says :

    Edu,

    com todo respeito: depois que vc fizer o mesmo roteiro pela Alemanha, na verdade por Munique, a gente conversa, tá?

    Bjs da bairrista em questão de cerveja.
    Humpf!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: